Parque das Nações Indígenas


Hoje me deu vontade de ir ao Parque das Nações Indígenas, um dos lugares mais lindos aqui de Campo Grande, que por sinal é uma cidade linda! Quem vem a Campo Grande, não pode deixar de ir. Essa foto eu mesmo tirei na última vez que fui ao parque. Seguem aí algumas informações que busquei na Wikipedia:

"É considerado um dos maiores parques (dentro de um perímetro urbano) do mundo, com uma extensão de 119 hectares. Oferece infra-estrutura adequada para a prática de lazer, diversão e esporte. Dispõe de quadra de esportes, pátio para skate e patins, sanitários, pista asfaltada para caminhada de quatro mil metros, lanchonetes, policiamento e um grande lago formado próximo à nascente do córrego Prosa. Dispõe também de local para apresentações.

70% de sua vegetação é formada por gramas e árvores ornamentais originárias do seu projeto de paisagismo. Uma grande quantidade de espécies de árvores são preservadas, como por exemplo o jenipapo, a mangueira e a aroeira."

Um bom domingo a todos.

SOUNDTRACK: d-_-b *Drivin' Down Brazil" {Donna Summer}

5 comentários:

  Espaço Mensaleiro

15 de junho de 2008 09:35

Seu P@L@VRE@DO, desculpe.
Coloquei o comentário do seu belo passeio na sexta feira 13.

Esses corruptos estão me botando maluca.

Um grande abraço.
Eliana

  elisabete cunha

15 de junho de 2008 11:05

Bazé

Que bom que me visitou!

se é amigo do Oscar é meu amigo tbm!

seu blog é muito legal,vou tomar a ousadia de linka-lo para não perdemos contato!

beijo baiano!

  Osc@r Luiz

15 de junho de 2008 18:40

Bazé, meu amigo,

Fui umas quantas vezes a Campo Grande e pasme: nunca tinha ouvido falar deste parque.
Da próxima vez que eu estiver aí, faço contato antes e você me mostra onde fica. Será um prazer conhecer um parque dessa magnitude e um amigo virtual ao mesmo tempo.
Quanto à Bete, é alguém especial. Com toda certeza ambos sairão ganhando em se conhecer.
Grande abraço e uma ótima semana, meu amigo!

  JOICE WORM

18 de junho de 2008 18:41

Este comentário foi removido pelo autor.
  Anônimo

20 de agosto de 2010 09:32

Legal que exista esse parque, mas não pode colocar que é o maior parque do mundo. Haja visto que 119 hectares não chega a ganhar nem do que tem em RN 1.000h, nem falo do Parque da Cantarera de SP 8 mil hectares, muito menos do Tijuca, ou do Pedra Branca no RJ 1l,5h.
Vlw abraço.
Ricardo!